Cazuza - O tempo não pára


Tive a honra de conhecer um dos foquistas e operador de câmera (Pablo Baião - marido da grande atriz de cinema e TV, Dira Paes) do filme "Cazuza - O Tempo não Pára" e ele contou algumas curiosidades. O filme foi gravado em película 16 mm e só depois foi passado para o copião 35mm (formato profissional). Também foi filmado em Super 8 (formato amador - muitas cenas foram filmadas pelos próprios atores), pois Cazuza, além de músico, era fotógrafo e filmava em super 8. Assim o longa dava o efeito mais autoral, mais íntimo de Cazuza, que era uma das intenções da equipe. É cheio de granulações por pura estética do filme (não é erro, é intencional). Tem cenas misturadas, um pouco são cenas reais de shows do Barão Vermelho e do Cazuza, e outras cenas foram produzidas. Tem cores saturadas para mostrar o caráter da época (anos 80), que foi muito eloquente. O filme foi  quase todo feito com câmera na mão para retratar a vida do Cazuza, que foi urgente, cheia de pressa, inquieta, bem vivida e curta. Enfim, é um ótimo filme, que vale a pena ser assistido, até para se conhecer um pouco mais sobre esse grande ídolo da música brasileira.

Comentários

Postagens mais visitadas